Estandes apresentam ações de educação, ciência e tecnologia

por Sofia Lampert publicado 21/11/2018 18h05, última modificação 22/11/2018 08h44
registrado em:
Ações de divulgação são das Pró-Reitorias de Ensino, Pesquisa e Extensão do IFRR

Um dos espaços encontrados no VII Fórum de Integração: Ensino, Pesquisa, Extensão e Inovação Tecnológica (Forint), que ocorre no Campus Novo Paraíso, nos dias 21 e 22 de novembro, foi o de estandes das ações do Instituto Federal de Roraima (IFRR) nas áreas de educação, ciência e tecnologia aplicadas à comunidade.

Durante os dois dias do evento, servidores vinculados às Pró-Reitorias de Extensão (Proex), Ensino (Proen) e de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação (Propesq) apresentam ao público presente um pouco do que tem sido realizado pela instituição em termos de projetos de pesquisa, ensino, extensão e inovação tecnológica.

De acordo com o pró-reitor de Extensão, Nadson Castro, nos dois últimos anos, o número de projetos do Programa Institucional de Bolsa Acadêmica de Extensão (Pbaex) chegou a 119. “Esses números são dos dois últimos anos, e nossa intenção é divulgar o que vem sendo desenvolvido”, disse.

Os projetos de extensão chegam hoje a quase 50% dos municípios do estado, que são Bonfim, Amajari, Boa Vista, Caracaraí, Rorainópolis, São Luiz e São João da Baliza. “A Proex tem o objetivo de transformar as ideias que surgiram na sala de aula (ensino) em projetos que possam ser aplicados na comunidade e contribuir para o desenvolvimento do ambiente”, explicou Castro.

A Coordenação de Empreendedorismo, subordinada à Proex, também expôs, em formato de banner, o Canvas da pró-reitoria, uma ferramenta utilizada para modelar negócios, ou seja, apresentar como o setor funciona analisando nove elementos: proposta de valor, parcerias-chave, atividades-chave, recursos- chave, relacionamento com clientes, segmentos de clientes, canais de distribuição, estrutura de custos e fluxo de receitas.

A Proen está divulgando o banner do Programa Institucional de Fomento a Projetos de Práticas Pedagógicas Inovadoras (Inova), que, em 2018, teve 23 projetos de quatro campi: Novo Paraíso, Zona Oeste, Amajari e Boa Vista.

Quem passa pelo espaço também pode conferir a Vitrine Tecnológica, ação da Propesq.  Trata-se de um ambiente de apresentação das tecnologias patenteadas pelo IFRR no Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI), que somam quatro e que têm por objetivo a produção e a transferência de tecnologia à comunidade, apoiando o desenvolvimento econômico e social.

 

Rebeca Lopes
Cobertura VII Forint
Fotos: Gildo Jr/IFRR
21/11/18 – Campus Novo Paraíso

 

« Junho 2019 »
month-6
Se Te Qu Qu Se Sa Do
27 28 29 30 31 1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
  

Guia de Recolhimento da União